40 Dicas para Ser Mais Presente no Dia do seu Filho

capa40dicas
 

Você tem um sentimento de culpa de vez em quando porque com tantas coisas para fazer durante o dia, muitas vezes você não dá toda a atenção que seus filhos precisam? Eu me sinto assim muitas vezes… Por mais que eu me esforce para estar com eles e atender todas as necessidades deles, às vezes sinto que não estou fazendo o suficiente por eles. Mesmo estando em casa o dia todo, são tantas coisas que preciso fazer como as tarefas domésticas, as coisas do blog, videos, compras… Enfim, tem dias que realmente não sobra tempo para sentar na sala com meus filhos e assistir uns minutinhos de televisão com eles ou passar a tarde brincando.

Sabe quando seu filho começa a fazer uma série de coisas erradas, que nós sabemos que ele sabe que está errado, mas mesmo assim ele faz, e nós não entendemos o porque daquilo? Então… Eles fazem isso para chamar nossa atenção porque na cabecinha deles, tanto faz você estar brigando ou dando carinho para eles… Tudo o que eles querem é sua atenção! Então eles fazem coisas erradas porque sabem que dessa forma você vai parar tudo o que está fazendo para ir até lá e dar uma bronca!

E foi pensando nisso que fui procurar algumas dicas que me ajudassem a ter pequenos momentos com eles, mas que me fizessem sentir mais presente na vida deles e que não os deixassem sentir falta da minha atenção. Encontrei em um blog chamado the better mom um post com 40 dicas para ser mais presente no dia dos nossos filhos e como vocês já sabem que não sou egoísta e sempre que encontro um bom artigo faço questão de traduzí-lo e compartilhá-lo com vocês, aqui vão as 40 dicas que a escritora de livros para pais e também blogueira, Tricia Goyer, fez para os pais:

  1. Cante a música favorita do seu filho enquanto você veste suas meias.
  2. Olhe nos olhos do seus filho enquanto ele fala com você.
  3. Use diferentes vozes enquanto você lê um livro para seu filho dormir.
  4. Brinque de cavalinho.
  5. Respire fundo e ore a Deus agradecendo pelo “agora”.
  6. Sente no chão e chame seu filho para sentar com você.
  7. Faça uma lista de coisas para agradecer com seu filho e acrescentem algo todos os dias.
  8. Deixe seu celular de lado. Tente deixá-lo longe de você e o cheque apenas uma vez por hora.
  9. Escreva coisas que você aprecia no seu filho em pequenos bilhetes e procure repetir essas coisas com frequência.
  10. Acrescente um toque de amor no almoço do seu filho. Pense: “O que eu poderia fazer para mostrar o quanto eu amo meu filho nessa refeição?”
  11. Ignore a louça suja, a roupa para lavar, a casa para varrer durante a primeira hora do seu dia e comece sua manhã com seu filho.
  12. Ensine para seu filho alguma brincadeira que você gostava quando era criança.
  13. Encontre maneiras de dizer “sim” ao invés de “não”.
  14. Faça de novo se algo não está dando certo naquele momento. Avise: “Comece de novo.”
  15. Reflita sobre o que seu filho está fazendo naquele momento. “Você está de pé em uma perna. Você está pulando.” Não pense que você tem que elogiar sem motivo… As crianças simplesmente querem nossa atenção.
  16. Ensine para o seu filhos tarefas domésticas simples.
  17. Vá com calma. Pense duas vezes quando estiver planejando algo, e faça isso com seu filho.
  18. Conte para seu filho alguma experiência que você tenha tido quando tinha a idade dele.
  19. Mergulhe na história do seu filho. Pergunte mais detalhes.
  20. Pergunte para seu filho o que ele gostaria de fazer por 10 minutos. Ponha o relógio para despertar e divirta-se com ele.
  21. Vá no quintal com seu filho e vejam quantos tipos de insetos vocês conseguem achar.
  22. Brinque de Reizinho Mandou.
  23. Diga para seus filhos que você é muito grata por tê-los como parte da família.
  24. Pense: Como seu filho te vê nesse momento? Como você gostaria que ele o visse?
  25. Ligue para um amigo ou um membro da família com seu filho só para dizer “Oi.”
  26. Se exercitem juntos.
  27. Pegue um álbum de fotografia antigo e compartilhe suas memórias com seus filhos.
  28. Ofereça um abraço.
  29. Faça um reunião de família e cite as coisas que vocês precisam melhorar e as coisas que vocês estão fazendo certo.
  30. Elogie seu filho por estar fazendo alguma coisa certa.
  31. Peça para seu filho te ajudar a fazer alguma coisa.
  32. Saia para almoçar com seu filho.
  33. Veja até quanto vocês podem contar juntos.
  34. Visite a biblioteca.
  35. Conte para seu filho como foi a primeira semana dele de nascido.
  36. Conte para seu filho o significado do nome dele.
  37. Leiam a bíblia juntos.
  38. Desligue a televisão.
  39. Perdoe-se. Não deixe sua mente ficar voltando ao passada e lembrando das vezes que você errou como mãe. Entregue isso para Deus.
  40. Se você se pega pensando, ou se preocupando, como o que será do futuro dos seus filhos, entregue isso para Deus também.

Sabe que refletindo nessa lista, percebi que muitas das coisas citadas eu já faço com meus filhos e talvez eu nem tenha tantos motivos para me sentir culpada pois me esforço muito para ser uma mãe presente na vida deles. Porém, tem muito pontos que preciso melhorar muito como olhar nos olhos quando eles falam comigo e deixar o celular de lado para estar com eles.

E o que você acrescentaria nessa lista? Eu vou adorar saber… Deixe aqui nos comentário! 😉

Fiquem com Deus e até a próxima!

Xoxo 😉

 

50 Regras Para Pais de Meninas

10
 

Boa tarde papais,

Hoje o papo do blog é reto com vocês, pais, que foram confiados por Deus para cuidarem e educarem uma linda princesa!!

Como todo bom blogueiro, além de termos nosso próprio blog para atualizarmos e dividirmos nossas idéias e experiências com outras pessoas, também gostamos de conhecer novos blogs. Essa semana me deparei com uma lista muito interessante. A lista das 50 regras para papais de meninas. Na minha opinião todos os pais deveriam tirar alguns minutinhos do seu tempo para lerem essa lista e tentarem, na medida do possível, completarem alguns dos itens aqui citados.

Essa lista foi escrita por Michael Mitchell. Michael é um pai de uns trinta e poucos anos que posta diariamente em seu blog dicas e lições de vida para pais de meninas que podem ser lidas no lifetoheryears.com. Ele gasta seus dias praticando a arte de ser pai e marido, enquanto tenta ser um homem de Deus e um “levantador” profissional de fundos filantrópicos.

50 Regras para Papais de Meninas

1

 

  1. Ame a mãe dela. Trate a mãe dela com respeito, honra e com grandes demonstrações públicas de afeto. Quando ela crescer, ela terá grandes chances de se apaixonar e casar com um homem que a trate tão bem assim como você trata a mãe dela.
  2. Esteja sempre lá. Tempo com qualidade não acontece sem uma grande quantidade de tempo. Sair juntos por nenhuma outra razão além de terem um a presença do outro. Ser genuinamente interessado nas coisas que interessam a ela. Ela precisa que seu pai esteja envolvido em sua vida em todas as etapas. Não basta ficar de braços cruzados enquanto ela acrescenta anos à sua vida… Adicione vida à seus anos.
  3. Salve o dia. Ela vai crescer à procura de um herói. Esse herói pode muito bem ser você. Ela vai precisar de você repetidas vezes ao longo de sua vida. Em diversas ocasiões. Capa vermelha e meias azuis são opcionais.3
  4. Saboreie todos os momentos que vocês têm juntos. Hoje ela está engatinhando de fraldas pela casa, amanhã você estará entregando as chaves do carro dela, e quando você menos esperar, você estará a levando para o altar. Em breve, passear com seu velho não será mais seu programa favorito. A vida passa muito rápido. É melhor aproveitar esse momento enquanto você pode.
  5. Ore por ela. Regularmente. Apaixonadamente. Continuamente.44
  6. Compre para ela uma bola e a ensine a jogar futebol. Fique orgulhoso de vê-la jogar futebol como uma garota…
  7. Ela irá brigar com sua mãe. Escolha sabiamente o seu lado.
  8. Vá em frente. Compre pérolas à ela.
  9. Claro que você parece um bobo brincando de esconde-esconde. Mas você deve brincar mesmo assim.
  10. Desfrute a maravilha da hora do banho.
  11. Chegará o dia em que ela lhe pedirá um cachorrinho de estimação. Não pense demais. Pelo menos uma vez na vida dela apenas diga “Sim”.
  12. Nunca é cedo demais para ensiná-la sobre dinheiro. E ainda assim ela provavelmente irá sugar todo seu dinheiro quando for adolescente… e no dia do casamento dela.8
  13. Prepare um café da manhã especial no dia do aniversário dela. Um cupcake com cobertura rosa e uma vela já será o suficiente para tornar o dia dela ainda melhor.9
  14. Compre para ela um par de sapatos assim que ela começar a andar. Ela não vai querer usar sapatos combinando com os do seu pai para sempre.10
  15. Dance com ela. Comece enquanto ela ainda é uma garotinha ou mesmo enquanto ela é um bebê. Não espere até o dia do casamento dela para fazer isso.11
  16. Leve ela para pescar. Ela provavelmente irá se contorcer mais do que a minhoca no seu anzol. Não se preocupe… está tudo bem!
  17. Aprenda a dizer não. Ela pode ficar brava hoje, mas algum dia vocês dois ficarão felizes por você tê-la feito mudar de idéia.
  18. Diga que ela é linda. Repita isso sempre, mais uma vez e de novo. Algum dia um filme ou uma revista de “beleza” irá tentá-la convencer do contrário.12
  19. Ensine-a como trocar um pneu furado. Um pneu sem ar não precisa ser o maior evento de pânico da vida dela. Mesmo assim ela irá te ligar chorando a primeira vez que isso acontecer.13
  20. Leve ela para acampar. Mostre a ela a vida ao ar livre. Assista seus olhos brilharem na primeira vez que ela ver a beleza de um enorme espaço aberto. Deixe o iPod, iPad, iPhone ou o que quer que possa atrapalhar lhes em casa. Aproveite esse momento com ela.14
  21. Deixe-a segurar o volante. Ela nunca irá se esquecer do dia em que seu pai a deixou dirigir.
  22. Ela é mais esperta do que qualquer garoto. Tenha certeza de que ela sabe disso.
  23. Quando ela aprender a dar beijinhos, ela irá querer plantar todos eles no seu rosto. Encoraje-a a praticar.15
  24. Saber comer sementes de girassol corretamente não irá ajudá-la a passar no vestibular. Ensine-a de qualquer forma.
  25. Deixá-la passear sobre seus ombros é mágico. Faça isso agora, enquanto você é forte e ela ainda é pequena.16
  26. Está na natureza dela fazer música. Cabe a você apresentá-la a alegria de se fazê-la.17
  27. Se existe um parque aquático perto da sua casa, leve-a sempre que possível. Ela se sentirá atraída pela água assim como um pato se sente por uma poça.18
  28. Ela irá te esperar voltar do trabalho ansiosamente. Não se atrase.19
  29. Se a mãe dela matriculá-la em uma aula de natação, faça o possível para estar com ela na piscina também. Não se sinta intimidado se não houverem outros pais lá. São eles é que estão perdendo.
  30. Nunca esqueça o aniversário dela. Em dez anos ela não se lembrará de nenhum presente que você deu à ela. Ela apenas se lembrará se você não estiver lá.20
  31. Ensine-a a andar de patins. Assista sua confiança crescer.21
  32. Deixe-a rolar na grama. Isso será bom para a alma dela. E não será nada mal para a sua também.
  33. A leve para fazer compras de roupas de praia. Não fique com medo de vetar algumas de suas escolhas, mas resista ao impulso de comprá-la um maiô de corpo inteiro.
  34. Entre os 3 e 6 anos há uma grande probabilidade dela te pedir em casamento. Saiba deixá-la suavemente.22
  35. Ela provavelmente irá querer engatinhar na cama com você depois de um pesadelo. Essa é uma boa idéia.23
  36. Poucas coisas na vida são mais confortantes para uma pequena garota chorando do que as mãos de seu pai. Nunca se esqueça disso.
  37. Leve-a para balançar no parque. Ela irá gritar para que você a empurre mais alto e mais rápido. A definição dela de “mais alto e mais rápido” provavelmente não é a mesma que a sua. Tenha isso em mente.
  38. Quando ela for um pouco mais velha, sua definição de mais alto e mais rápido será bem mais parecido com a dela. Quando esse dia chegar, vá em frente…dê tudo o que você tem.24
  39. Segurá-la de ponta cabeça pelas pernas enquanto ela dá incontroláveis gargalhadas e gritos é ótimo para o seu bíceps. AVISO: Ela não tem noção do que é fadiga muscular!
  40. Ela irá te pedir para comprá-la um pônei de presente de aniversário. A menos que você more em uma fazenda, não compre um pônei para ela em seu aniversário. Porém, é OK alugar um.
  41. Vá com calma nos presentes de aniversário e natal. Ao invés disso, dê a ela de presente as experiências que vocês podem dividir juntos.25
  42. Deixe-a saber que ela sempre poderá voltar pra casa. Não importa o que aconteça.26
  43. Lembre-se que assim como um borboleta, ela irá sair do casulo, criar asas e sair voando algum dia. Aproveite seus anos de lagarta.
  44. Escreva a ela uma carta a mão todos os anos no seu aniversário. Dê todas as cartas a ela quando ela estiver indo para a faculdade, ou quando você achar que ela mais precisa disso.27
  45. Aprenda a confiar nela. Dê a ela gradualmente mais liberdade quando ela for ficando mais velha. Elá irá superar as suas expectativas.
  46. Quando estiver em dúvida, confie no seu coração. Ela já confia.28
  47. Quando sua filha adolescente estiver chateada, aprenda quando se envolver e quando recuar. Isso vai acrescentar anos à sua vida. Se você conseguir fazer isso, me ensine como…
  48. O sorvete cobre uma multidão de pecados. Saiba o sabor favorito dela.29
  49. Esse dia chegará logo. Não há nada que você possa fazer para estar pronto para isso. O quanto antes você aceitar esse fato, mais fácil isso será.30
  50. Hoje ela está descendo a rua para pegar o ônibus para a escola. Amanhã ela estará indo para a faculdade. Não pisque.

Depois de ler essa lista, minha visão com relação a importância do pai na vida da filha mudou completamente de figura, e eu termino esse post, com lágrimas nos olhos, deixando um recado para todos os papais de meninas: Não deixem esses momentos tão preciosos da vida da sua filha passarem em branco. Eu tenho certeza que cada atitude sua fará toda a diferença em que elas serão no futuro! E com certeza essas regras valem para as mães também, principalmente para aquelas, que assim como eu, acham difícil aceitar que criamos os filhos para o mundo e não para nós!!

Os créditos das fotos podem ser encontradas no final de cada post original do Michael.

Espero que tenham gostado desse lindo post!!

Fiquem com Deus e até a próxima!

Xoxo 😉

Banco de Sangue do Cordão Umbilical

Banco de sangue do cordão umbilical
 

Bom dia meninas,

O assunto que trouxe para vocês hoje é muito sério. Se trata do congelamento do sangue do cordão umbilical do bebê. Quando meus filhos nasceram eu não tinha conhecimento da importância que tinha fazer esse procedimento, mesmo o meu médico sempre falando e explicando como isso era importante, nunca dei muito ouvido. Era mais fácil falar que não estava interessada pra ele ficar quieto logo. Posso dizer que hoje me arrependo de não ter feito. Apesar de ser muito caro, é um investimento de segurança pra vida dos nossos filhos. É uma coisa importante pra se fazer mas que nunca ninguém vai querer usar… Bom, vamos entender um pouco melhor como é esse procedimento.

O cordão umbilical é uma das maiores fontes de célula tronco e têm demonstrado expressiva vantagem em sua eficácia terapêutica no tratamento de inúmeras doenças. Isso porque as células tronco são células capazes de multiplicar-se e diferenciar-se nos mais variados tecidos do corpo humano (sangue, ossos, nervos, músculos etc). Em uma linguagem mais simples podemos descrever as células tronco como peças novas que podem substituir peças defeituosas, isso porque elas se transformam em qualquer célula do organismo ou se fundem a uma célula doente, tornando-a saudável. Parece impossível, não é mesmo?

As células tronco são encontradas em vários tecidos do organismo, por exemplo, no sangue do cordão umbilical, no próprio cordão umbilical, no líquido amniótico, na medula óssea, na gordura, nos dentes etc. Mas é no sangue do cordão umbilical onde consegue-se facilmente captar um grande número de células tronco, e com um importante diferencial, são “virgens”, ou seja, não sofreram nenhuma interferência dos fatores externos, sendo 100% compatíveis com o doador e considerada uma das mais saudáveis.

A coleta das células tronco no sangue do cordão umbilical é feita de forma simples e indolor tanto para a mamãe quanto para o bebê e não interfere em absolutamente nada nos procedimentos rotineiros do parto, que pode ser tanto vaginal quanto cesárea, o procedimento de coleta nas duas formas de parto é o mesmo.
O sangue do cordão é coletado em sistema fechado, protegido de contaminação, sendo retirado por meio de punção da veia umbilical. É realizado no centro obstétrico após a retirada do bebê, e do corte do cordão umbilical. É realizada a assepsia do cordão pelo obstetra que realizará a coleta e o mesmo puncionará a veia do cordão umbilical que estará ainda ligado a placenta dentro do útero, ou não. Todo material é acondicionado em uma caixa de transporte de material biológico e encaminhado para o laboratório onde será processado e criopreservado a -196ºC.

Atualmente já existe sangue de cordão umbilical congelado por 20 anos e com a nova tecnologia utilizada é possível congelá-lo por tempo indeterminado, ou seja, infinitamente.

Esse sangue só deverá ser usado mediante um requerimento médico e essas células só poderão ser liberadas pelos tutores ou beneficiários. A solicitação para o uso do sangue do cordão umbilical armazenado é feito pela família através do requerimento médico.

A forma como é feito o transplante com células tronco depende da doença. Se for câncer de sangue ou doenças auto-imunes (diabetes, lúpus, esclerose múltipla, entre outras) será realizada a quimioterapia para tirar a memória das células ruins, para depois infundir as células do sangue de cordão umbilical armazenado.
Nas doenças cardíacas, pulmonares, renais, derrame, entre outras, as células tronco são colocadas diretamente no tecido lesado ou na corrente sanguínea.
Para reparação do osso ou da pele, as células tronco são carregadas por uma matriz, pois desta forma as células entendem que têm que se transformar no respectivo tecido. Por exemplo: se for pele, matriz da pele, se for osso, matriz para osso.

O laboratório responsável pelo armazenamento do sangue do cordão umbilical é também o responsável pelo transporte do material quando necessário e para aonde for requerido, normalmente a locomoção é feita para qualquer região do Brasil e fora dele. O sangue é transportado em um “tanque de nitrogênio a seco”. Esse tanque contém um material especial que absorve o nitrogênio líquido e elimina o risco de vazamento. Ele é portátil e de fácil locomoção.

O tratamento usando o sangue do cordão umbilical já é feito desde 1988 e já foram realizados 10.000 transplantes de SCU (sangue de cordão umbilical), e tratadas mais de 40 doenças da lista à seguir:

DOENÇAS COM TRATAMENTO PADRONIZADO
Nestes casos, o tratamento com células-tronco do cordão umbilical é eficaz e está totalmente comprovado, padronizado e generalizado.

  • AnemiasAnemia falciforme
    • Anemia Aplástica Severa
    • Anemia Congênita Deseritropoiética
    • Anemia de Fanconi
    • Hemoglobinúria Paroxística Noturna (HPN)
    • Aplasia Pura dos Eritrócitos
  • Anomalias Hereditárias das Plaquetas:Anomalias Hereditárias dos Eritrócitos
    • Amegacariocitose
    • Trombocitopenia Congênita
    • Trombastenia de Glanzmann
  • Ataxia
  • Doenças Mieloproliferativas:Anomalias Hereditárias dos Glóbulos Vermelhos
    • Mielofibrose Aguda
    • Metaplasia Mielóide Agnogênica (Mielofibrose)
    • Policitemia Vera
    • Trombocitemia Essencial
  • Talassemia ß Major (Anemia de Cooley):
    • Anemia Blackfan-Diamond
    • Aplasia Pura dos Eritrócitos
    • Anemia Falciforme
  • Câncer na Medula Óssea:Deficiência da Adesão dos Leucócitos
    • Mieloma Múltiplo
    • Leucemia dos Plasmócitos
    • Macroglobulinemia de Waldenstrom
    • Disqueratose
  • Doenças dos Fagócitos:Doenças Linfoproliferativas
    • Síndrome de Chediak-Higashi
    • Doença Crônica Granulomatosa
    • Deficiência dos Neutrófilos em Actina
    • Disgenesia Reticular
  • Doença Linfoproliferativa Ligada ao Cromossomo-X
  • Hemoglobinúria Paroxística Noturna
  • Imunodeficiência Variável Comum
  • Imunodeficiência Severa Combinada (IDSC):
    • IDSC com Deficiência em Adenosina-Desaminase
    • IDSC Ligada ao Cromossomo-X
    • IDSC com Ausência de Células-T e Células-B
    • IDSC com Ausência de Células-T e com Células-B Normais
    • Agamaglobulinopatia Ligada ao Cromossomo-X
    • Síndrome de Omenn
    • Déficit da Fosforilase dos Nucleotidios das Purinas
  • Leucemias:
    • Câncer das células do sangue com função imunológica
    • Câncer dos leucócitos
    • Câncer dos glóbulos brancos
  • Leucemias Aguda:
    • Leucemia linfoblástica Aguda (LLA)
    • Leucemia Mieloide Aguda (LMA)
    • Leucemia Bifenotípica Aguda
    • Leucemia Indiferenciada Aguda
  • Leucemias Crônica:
    • Leucemia Mieloide Crônica (LMC)
    • Leucemia Linfocítica Crônica (LLC)
    • Leucemia Mieloide Crônica Juvenil (LMCJ)
    • Leucemia Mielomonocítica Juvenil (LMMJ)
  • Linfomas:Mieloma Múltiplo
    • Linfomas Hodgkin
    • Linfomas Não Hodgkin
    • Linfoma de Burkitt
  • Neuroblastoma
  • Neutropenias:Retinoblastoma
    • Síndrome de Kostmann
    • Mielocatexia
  • Síndrome de DiGeorge
  • Síndromes Mielodisplásicos:Síndrome dos Linfócitos Lisos
    • Anemia Refratária (AR)
    • Anemia Refratária com Sideroblastos em Anel (ARS)
    • Anemia Refratária com Excesso de Blastos (AREB)
    • Transformação (AREB-T)
    • Leucemia Mielomonocítica Crônica (LMMC)
  • Síndrome de Wiskott-Aldrich
  • Talassemia
  • Telangiectasi

 O armazenamento do sangue do cordão umbilical pode ser feito tanto em um banco privado como em um banco público, mas há diferença na hora do recebimento do sangue:

BANCO PRIVADO: Armazenamento das células visando ao uso da própria pessoa ou de familiares, permitindo desta forma a disponibilidade IMEDIATA das células tronco sem a necessidade de espera por uma compatibilidade.

BANCO PÚBLICO: Todo o processo é idêntico ao dos bancos privados, mas a grande diferença está no uso, a pessoa que precisar das células tronco para um transplante dependerá de uma compatibilidade para seu uso, ou seja, poderá ter que enfrentar uma fila de espera.

O valor para o armazenamento do sangue do cordão umbilical gira em torno de R$ 3.500,00 para a coleta do cordão umbilical no momento do parto e R$ 600,00 por ano de manutenção do material, podendo variar conforme a região do país.

Essas informações foram tiradas do site so Banco de Cordão Umbilical Brasil www.bcubrasil.com.br

Nós ainda temos uma chance de guardar a célula tronco dos nossos filhos, pois um estudo mostra que o dente de leite é fonte de células tronco e pode ser armazenada da mesma forma que o sangue do cordão umbilical. Não sei se esse procedimento já chegou no Brasil, mas aqui nos Estados Unidos ele pode ser feito no primeiro dente de leite que cai. O dente deve ser retirado pelo dentista e armazenado no kit de armazenamento que o banco de dentes envia para o dentista.  Depois que o dente da criança é retirado e armazenado corretamente, ele deve ser mandado imediatamente para o laboratório, onde o dente é processado e congelado, assim como é feito com o sangue do cordão umbilical. Esse procedimento custa 1.750,00 dólares e mais 160.00 dólares por ano. Os benefícios de cura são os mesmo do sangue do cordão umbilical. Essa é uma decisão muito importante a ser tomada e a última chance de guardarmos as células tronco dos nossos filhos, que do fundo do meu coração, espero NUNCA precisar usar.

Espero que essas informações possam ter esclarecido alguma dúvida que alguém tinha com relação a esse assunto.

Fiquem com Deus e até a próxima.

Xoxo 😉