Respondendo as Dúvidas sobre minha Reeducação Alimentar

Capa respostas
 

Um dos meus video mais assistidos no meu canal do YouTube é um que mostro como faço minhas marmitas nessa fase de reeducação alimentar (se você ainda não viu esse video – CLIQUE AQUI – e assista). Nesse video recebo dezenas de comentários todos os dias com dúvidas sobre as marmitas e minha reeducação alimentar. Como muitas dessas dúvidas eram bem parecidas, achei melhor respondê-las em video pra vocês. Confira:

Espero que tenha esclarecido a maioria das dúvidas, mas se você tiver algo diferente para perguntar sobre a reeducação alimentar que eu não tenha respondido nesse video, ou tiver qualquer outra dúvida, deixem aqui nos comentários que terei o maior prazer de fazer outro video respondendo!!

Beijinhos

Tipos de Mãe: Quais deles Você é?

Image-1-3
 

Estava pensando na forma como ajo com meus filhos, e percebi quantos tipos diferentes de mãe podem se encaixar em apenas uma pessoa. Minha forma de tratar as crianças varia muito, dependendo de vários fatores, incluindo lugar onde estamos, o que estamos fazendo, meu humor, o humor deles… Enfim! Posso ter uma atitude diferente para a mesma ocasião dependendo das circunstâncias. Localizei diversos tipos de mãe em mim.. Veja se você se identifica com algum deles, ou mais de um… ou talvez todos:

Sou o tipo de mãe AMIGA, que procura estar sempre de bem com meus filhos e mostrar que eles podem confiar em mim pra me contar tudo o que acontece na vida deles. Tento passar firmeza quando digo: se você me falar a verdade, não vou te colocar de castigo! Na maioria das vezes funciona muito bem, porém, depois preciso cumprir minha promessa, por mais difícil que seja! E é nessa hora que a mãe amiga entra em ação, sentando e conversando com eles o porque tal atitude está errada, e tentando não alterar o tom de voz para não soar como uma bronca. Além disso, procuro me divertir e rir com as brincadeiras deles assim como faço com meus amigos. Mas CUIDADO se você também se incluí nesse tipo de mãe, não tem problema algum você ser amiga dos seus filhos, mas não os deixe esquecer que antes de ser amiga, você é a mãe deles e eles te devem respeito. 😉

Também sou o tipo de mãe COMPANHEIRA, que eles sabem que podem contar pra tudo. Seja pra brincar, seja pra ajudar a estudar, ou pra bagunçar, pra passear, pra levá-los nas atividades depois da escola, pra acompanhá-los nas atividades da escola… Enfim, sabe pau pra toda obra?? Eu sou dessas… Procuro estar presente na vida deles em tudo, pois essa é a lembrança que quero que eles tenham de mim quando forem adultos… De uma mãe que fez de tudo para vê-los felizes e satisfeitos.

Mãe CORUJA, sou eu também. Tento proteger meus filhos de tudo que eu ache que possa prejudicá-los de alguma forma! Ando com lencinhos umedecidos na bolsa pra limpar a mão deles, álcool gel para desinfetar as mãos antes de comer, água, lanchinho, blusa, guarda-chuva… Claro que tudo depende do lugar onde estamos indo e as condições do tempo. Mas procuro estar sempre prevenida pra caso algo aconteça enquanto estamos fora. Sou dessas que odiava quando alguém pedia pra segurar meu bebê… Mandava limpar a mão com gelzinho e pedia pra não beijar!! Chata? Eu sei… Hahahaha Mas hoje sou muito mais relaxada com tudo isso… Sou coruja de uma forma saudável, que não impede meus filhos de serem crianças! Não me importo que se sujem ou que ralem os joelhos, comer algo que caiu no chão ou frutas sem lavar no mercado é bom para aumentar a imunidade…Tomar banho de chuva e rolar na neve também ajuda na imunidade!!! Estou na zona verde do tipo de mãe coruja e ando sempre me policiando pra não chegar na zona amarela!!!

Sou  o tipo de mãe NUTRICIONISTA, que vive controlando o que meus filhos estão comendo. Esse parece óbvio, mas conheço algumas mães que não se importam muito com a alimentação dos filhos, não se importam se estão comendo saudável ou se estão enchendo a barriguinha de doces e carboidratos. Mas eu tento controlar até mesmo quantas vezes por semana eles estão comendo carne, frango e peixe. Ovo eles comem apenas 2 por semana. Doces só um pouquinho depois das refeições e SE comer bem a comida. Pra beber só água e leite em casa. Quando comemos fora eles podem escolher entre suco de laranja ou suco de maçã… Êta mãe chata algumas de vocês devem estar pensando né??rs Mas um dia eles vão me agradecer por controlar tanto o que eles comem! Mas não pensem que sou a mãe malvada do espinafre não!!! Mesmo porque minha filha mais velha nem gosta de saladas, vegetais e tem um paladar bem seletivo para as frutas. A culpa não foi minha! Sempre dei de tudo pra ela, mas depois de uma certa idade ela simplesmente parou de “gostar” de vegetais!! Já meu filho mais novo, que teve a mesma criação, ama saladas e frutas! Vai entender!! E vejo que isso não é só comigo, pois tenho amigas que tem os mesmo cuidados com a alimentação dos filhos mas que um deles optou por não comer comidas saudáveis!! Acontece, e acreditem, a culpa nem sempre é da mãe!! Mas de qualquer forma, a alimentação das crianças é algo que prezo muito!

Tento ser uma mãe EDUCADA, mas ás vezes é difícil, confesso! hahaha Tento ser educada ao pedir para que meus filhos façam seus deveres como tarefa da escola, me ajudem com algumas coisas simples em casa como arrumar a cama deles, guardar os brinquedos, dobrar e guardar as roupas deles. Algumas coisas que peço e demoro (ás vezes dias) para ver resultado, me tiram do sério e me fazem perder a educação. Nesse momento paro de PEDIR e começo a MANDAR as crianças a fazerem as coisas que precisam ser feitas. Mas não gosto de ser assim porque acredito no exemplo dos pais. Se quero que eles sejam educados com os outros, preciso mostrar a eles como ser educado.

Sou uma mãe muito CUIDADOSA, e acho que isso já deu pra perceber né?? Cuido dos meus filhos com muito amor e carinho! Estou sempre analisando pra ver se tem algo diferente no corpo, cabelo, dentes, unhas deles. Se encontro uma pinta diferente, lá vamos nós para o pediatra! Sempre pergunto como foi na escola ou em qualquer lugar que eles tenham ido sem mim. Mas não quero apenas ouvir que foi tudo bem, quero ouvir detalhes de tudo o que aconteceu. E incentivo muito que eles realmente me contem tudo o que aconteceu. Minha filha, principalmente, conta TUDO o que aconteceu enquanto eu não estava por perto!! Dou Graças a Deus por isso!!!

ORO pelos meus filhos todos os dias e se precisar, mais de uma vez por dia! Se tem uma coisa que faço todos os dias, sem falhar, desde que virei mãe, é orar pela vida e pela saúde dos meus filhos. Oro pelo futuro deles, pelo marido e esposa que eles vão ter quando crescer, pelos filhos que eles vão ter depois que casarem! Oro todos os dias para que tudo na vida deles seja como nos planos de Deus, que eles sigam o caminho deles sem nunca se esquecerem que a honra e a glória é de Deus. Acho que esse é meu melhor tipo de mãe… O tipo que ORA pelos filhos.

Além disso sou muito CARINHOSA, AMOROSA, DEDICADA, BRAVA quando necessário, sou o tipo de ser humano que ama ser mãe e que dá o melhor pra ver seus filhos felizes, bem educados e realizados.

Pedi pra minha filha citar algumas características que ela usaria para me descrever e ela citou: Worker (trabalhadora), Caring (cuidadosa), Fantastic (fantástica) e Thoughtful (pensativo, mas ela quis dizer que penso nas outras pessoas). Confesso que ela me surpreendeu com essa descrição, eu realmente não esperava que ela me visse de uma forma tão bonita assim. E o que isso me mostrou, foi que minha dedicação como mãe tem muito efeito na vida dos meus filhos e agradeço a Deus por esse dom e também pelos meus filhos!

E você?? Que tipo, ou tipos, de mãe você é?? Escreve aqui pra mim nos comentários que vou amar saber!!

Fiquem com Deus e até a próxima!!

Beijos

 

Minha Playlist de Louvores – Nacionais e Internacionais

Image-1-2
 

Uma das coisas que faço todos os dias e que me traz pra mais perto de Deus, ajuda a fortificar minha fé e edificar minha vida é ouvir louvores. Os louvores me ajudam a estar na presença de Deus por mais tempo, me fazem querer estar na presença de Deus todos os dias. Além disso, Deus usa os louvores para falar comigo e o mesmo louvor tem o poder de falar comigo de diferentes formas de um dia para o outro. É realmente incrível e maravilhoso como Deus faz as coisas acontecerem nas nossas vidas!!

Gosto de ouvir vários louvores diferentes, mas sempre tem os que gosto de ouvir mais seja porque me fazem sentir mais a presença de Deus, seja porque me fazem refletir sobre minha vida ou simplesmente porque gosto de ouvir, e são alguns desses louvores queridinhos da minha vida que trouxe para vocês conhecerem.

Espero que Deus use esses louvores pra falar com vocês tanto quanto Ele usa pra falar comigo!

Minha Playlist de Louvores:

  1. I Will Follow – Chris Tomlin
  2. Raridade – Anderson Freire
  3. Oceans – Hillsong United
  4. Deus e Seus Milagres – Anderson Freire
  5. You Are More – Hillsong
  6. Deus Maravilhoso – Perlla
  7. Revelation Song – Kari Jobe
  8. Sou Feliz – Mattos Nascimento
  9. 10,000 Reasons – Matt Redman
  10. Marca da Promessa – Davi Sacer

E aí? Gostaram desses louvores?? Contem aqui nos comentários quais os louvores que vocês mais gostam, que vocês mais sentem Deus falando com vocês. Eu não conheço muitos louvores brasileiros e aceito sugestão! 🙂

Beijinhos

Eu Escolho Ser Feliz… E Não Ter Razão! ❤️

img_4873.jpg
 

O título desse post parece um clichê barato de filmes com final felizes, mas acredite, essa é a história da minha vida! Abro mão de ter razão sempre que minha felicidade está em jogo. Não é uma escolha fácil para nenhum ser humano que tem sangue correndo nas veias, e para mim não é diferente, mas venho trabalhando isso dentro de mim há anos, sempre tentando entender o lado do outro que pode estar tendo um dia ruim no trabalho, ou que pode ter tido uma discussão com um amigo ou algo ainda pior. A empatia, ou seja, se colocar na posição do outro, é a melhor forma pra se manter a calma, colocar os pés no chão, e escolher as palavras e atitudes correta na hora de resolver um problema onde pra se ter razão você terá que abrir mão da sua tranquilidade, paz e felicidade!

Você não precisa de nenhum super poder pra conseguir tal façanha, você só precisa de uma inspiração, uma motivação pra querer ser muito feliz! No meu caso, tenho vários motivos e inspirções: o primeiro deles é a maior inspirção que alguém pode ter pra viver que é Jesus! Quem não quer ser perfeito como Jesus? Claro que não me comparo à Ele pois sou uma pecadora, cheia de falhas. Mas tenho Jesus como minha inspiração para perdoar, amar ao próximo, respeitar e, principalmente, ser feliz! Tenho muitos motivos pra ser feliz também como meu marido e meus filhos, que aliás, tento ser um bom exemplo pra eles ensinado-os que ser feliz é muito mais gostoso e relaxante do que ter razão.

Já perdi as contas de quantas vezes pedi desculpas sem ter culpa de nada, apenas pra evitar um conflito ou simplesmente ver um sorriso no rosto de alguém. Quando vejo, durante uma conversa, que aquela pessoa está sedenta de razão, não faço força alguma para prová-la ao contrário, simplesmente concordo e saimos todos felizes! E tantas vezes que guardei minha humilde opinião só pra mim e deixei que os outros tivessem razão.

Há quem diga que viver assim não é saudável, pois guardo muitas coisas dentro de mim e um dia tudo isso vai explodir e vou acabar doente ou depressiva. Mas eu digo que isso é o que me faz bem, feliz e muito saudável! Não guardo nada disso dentro mim porque tenho um “Paizão” com quem compartilho todos os meus sentimentos, frustrações e desejos, e esse “Paizão” limpa meu coração, minha alma e me faz muito feliz e me faz querer ser cada vez mais feliz e ter menos razão.

Claro que viver dessa forma não é o ideal para todas as pessoas, pois cada um tem sua personalidade, suas crenças, seus desejos, mas, se todos tentassem, ao menos, ser mais felizes a ter razão muitos ciclos de ódio seriam quebrados. Sabe como? Imagina aquele dia horrível que você teve… Saiu atrasado para o trabalho, o dia estava chuvoso, quebrou o salto no caminho do ponto de ônibus, o ônibus estava lotado, você chega no trabalho atrasada, salto quebrada e cheirando a cachorro molhado, senta na sua mesa e logo recebe a visita do seu chefe com mil tarefaa pra você terminar antes desse longo dia acabar. O que você faz quando aquele colega de trabalho chega na sua mesa pedindo ajuda com algo que não sabe como fazer ou querendo um conselho amoroso para o relacionamento que não vai bem? Provavelmente você respondeu que ia mandar o tal colega ir plantar batata no asfalto não é mesmo? Deixando o colega ainda mais nervoso e fazendo com que ele continue essa corrente do ódio tratando a próxima pessoa que encontrar com a mesma ignorância com a qual foi tratado por vc e assim por diante. A melhor forma de evitar que essa corrente de ódio comece é escolhendo ser feliz e não ter razão! É tendo paciência e escolhendo palavras doces para se dirigir aos seus colegas e principalmente familiares, que são, geralmente, os primeiros a sentirem o poder do venenos que sai de nossas bocas!

Como eu disse no começo desse post, não é fácil, mas ser feliz é questão de escolha. Não deixe que os problemas e as tragédias do dia-a-dia consumam toda sua felicidade. Busque ver as coisas boas da vida mesmo quando estiver no deserto, tente se colocar no lugar do próximo para que possa entender suas ações! Sua felicidade só depende de você!

O que fazer quando neva??

capaneve
 

E a primeira tempestade de neve da costa Leste dos Estados Unidos finalmente chegou!!! Sei que muita gente tem curiosidade de saber o que nós fazemos quando neva, já que as pessoas ficam impossibilitadas de dirigirem durante as tempestades, e foi por isso que resolvi gravar esse video mostrando como é nosso dia quando é Snow Day, como é chamado por aqui. Vamos conferir? ↓

Não é tão ruim assim né?? Claro que usar roupas especiais para neve é essencial para não sofrermos uma hipotermia nesse frio. Mas tomando os cuidados necessários, dá para se divertir bastante na neve!!!

Espero que vocês tenham gostado!

Fiquem com Deus e até a próxima!

assinatura