A universidade

usmm
 

Hola, buenas tardes!

Ficamos muito tempo sem escrever devido aos muitos trabalhos e provas que a universidade nos incumbiu. E hoje, justamente para relembrá-la, contaremos como é estudar de fato no Chile. Estamos na reta final, falta um pouquinho mais de um mês para o término das aulas.
Estudamos na Universidade Federico Santa Maria, no campus de Vitacura que está situado em Santiago, uma universidade privada chilena reconhecida como uma das mais prestigiosas do país e consegue principal reconhecimento nas áreas de ciência e tecnologia.

usmm
Estamos na área de aeronáutica e, para estudar aqui, pudemos escolher as matérias que mais nos interessassem. Assim, optamos por cursar juntas quatro disciplinas: Gestão Operacional de Empresas Aeronáuticas, Comércio Internacional Aeronáutico, Espanhol Como Língua Estrangeira e Aerodinâmica e Performance. Eu, Marina, além dessas, curso também Gestão Aeronáutica, e Bruna, Laboratório de Sistemas Digitais. Ficamos muito felizes com a matéria Espanhol Como Língua Estrangeira porque antes não existia e foi implementada visto que muitos alunos estrangeiros não sabiam falar perfeitamente o espanhol.
Em relação a infraestrutura, a faculdade oferece um amplo espaço, com muita área verde, quatro edifícios equipados com salas de aula e laboratórios, uma biblioteca enorme, um refeitório, academia, quadra poliesportiva e um estacionamento para alunos e funcionários.

DSC_0891

IMG-20140807-WA0006

IMG-20140807-WA0008

IMG-20140806-WA0007

Moramos um pouco longe da faculdade. Temos que ir de metrô e logo depois, tomar um ônibus. Isso leva em torno de uma hora e meia quando não é horário de pico!! Nos dias que nossas aulas começam às 10 da manhã, saímos de casa às 6 horas para não pegarmos este horário.
Os nossos professores faltam muito, são muito exigentes e adoram mencionar que somos brasileiras em todos os momentos. Temos provas e trabalhos todas as semanas. Aqui existem 2 tipos de provas: os “controles”, que valem menos pontos e são mais frequentes, e os “certamenes”, que valem mais.
A maioria dos nossos colegas de classe não falam com a gente, raramente nos dão “buenos días”. Perguntamos a outros chilenos o motivo dessa falta de comunicação e nos disseram que eles ficam tímidos por sermos mulheres estrangeiras. Já no nosso grupo de intercâmbio (há pessoas da Alemanha, Equador, Espanha, Finlândia e Brasil), todos somos amigos e fazemos passeios juntos.

11

23

22

Ahh, essa universidade na primavera se torna ainda mais linda!!
Bom, espero que tenham gostado deste lugar que passamos praticamente a maior parte do dia! 🙂

Saludos,
Marina e Bruna.

IMG_534778240141095

 

Marina e Bruna

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *